Resumo do Mês: Novembro

ELEANOR E PARK - RAINBOW ROWELL


Comentários, comentários e comentários. "Eleanor e Park" é um daqueles livros, digamos, "famosinhos" e por isso mesmo tinha uma curiosidade imensa em conhecê-lo. Sem dúvida, posso afirmar que o livro faz valer a fama que tem. 

Uma história ao mesmo tempo dura e simples, forte e singela. Uma história de um amor adolescente e mais que isso, uma narrativa que te faz perceber as mais diversas dificuldades que encontramos na vida, seja em casa, seja na rua, seja na escola. 

Além disso, a escrita fluente e de fácil compreensão também permite uma leitura rápida e gostosa. 

Dessa forma, não tenho outra coisa a dizer desse livro a não ser: LEIAM.


TODO DIA - DAVID LEVITHAN


Todo dia é outro livro que te deixa muitas lições. Através dessa leitura, podemos perceber que todos os dias temos uma nova oportunidade, de sermos alguém diferente, de sermos alguém melhor e de fazermos as coisas de outro jeito.

Tirando essa lição principal, outra que também fica com essa leitura é a ideia de que embora possamos mudar e sermos pessoas diferentes, quando amamos, esse amor não muda, pelo contrário, ele se fortalece e enfrenta todas as dificuldades. (pelo menos na teoria)

Quanto a escrita não tem muito o que falar, David apresenta uma narrativa fluida e que se caracteriza por estar sempre se renovando, a cada novo capítulo a voz narrativa se altera (fisicamente), o cenário muda e isso tudo confere uma certa dinamicidade que faz bem pra leitura.

Assim, todo dia é mais uma leitura que eu diria indispensável.


O LIVRO DO AMANHÃ - CECELIA AHERN



Bem, a leitura desse livro foi uma tentativa (frustrante) de melhorar a imagem que tenho da autora desde que li sua mais famosa obra: P.S Eu Te Amo.

Todavia, isso não aconteceu. 

Não falo pela história em si, pelo enredo, mas falo mesmo de estrutura, de escrita. Não consigo ler com facilidade, com desenvoltura, com rapidez a narrativa da autora. Nessa história, por exemplo, nos envolvemos pelo mistério, queremos descobrir o segredo que tem por trás do comportamento das personagens, mas esbarramos com a leitura lenta que você lê e lê e parece não avançar.

Mas para quem não tem essa dificuldade, o livro traz uma história intrigante, até mesmo envolvente em alguns momentos, não tem nada de romance, ou amor como foco central. O destaque aqui se dá pelo mistério que cerca a vida de Tamara. mas isso vocês só descobrirão lendo o livro, não é mesmo?


Espero que tenham gostado do que li em Novembro e que tenham algo a me dizer sobre esses livros. 

O resumo de Dezembro já está saindo do forno também.

Até mais!

Por favor, compartilhe!

  • Share to Facebook
  • Share to Twitter
  • Share to Google+
  • Share to Stumble Upon
  • Share to Evernote
  • Share to Blogger
  • Share to Email
  • Share to Yahoo Messenger
  • More...

6 comentários :

  1. Oi!
    Já li os três livros. Sobre os dois primeiros já havia comentado com você.
    Eleanor e Park é realmente muito simples,mas tão profundo. Consegue te prender logo no incio da história.
    Todo dia, eu não havia pensado como você, que temos uma nova oportunidade todo dia. Enxerguei que todos tem seus problemas e que ao mesmo tempo que somos diferentes somos também iguais,não nos diferenciamos tanto quanto pensamos e fiquei pensando como seria se cada dia pudesse acordar em um lugar e corpo diferente. E que o amor pode não estar relacionado com a aparência ou o sexo,mas com quem essa pessoa realmente é no seu interior.
    O livro do amanha, é um pouco chato e entediante até a metade mais ou menos, depois o mistério consegue criar interesse pela historia,não chega a ser um livro ruim.
    Voce não gostou de P.S eu te amo?

    bj

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Adrielle!

      De fato Todo dia tem toda essa complexidade envolvida, aliás todo livro pode trazer diversos pontos de vista a tona. O livro do amanhã não foi muito bom não, não gosto de leituras arrastadas e assim como foi com esse livro foi também com P.S.Eu Te Amo, a história é linda e romântica, mas a narrativa lenta, que progride muito pouco.

      Beijos!

      Excluir
  2. Não achei P.S eu te amo arrastado. Já li 5 livros da Cecelia Ahern, é uma característica dela a narrativa lenta,ela sempre que contar muita coisa, muitos detalhes e demora a chegar onde ela quer. Acredito que ela tenta passar histórias mais realísticas possíveis, muitos sentimentos e medos comuns e sempre tenta passar uma "lição de vida" com suas histórias. Sou fã dos livros dela rs
    Todo dia terá continuação, Another Day.

    =) bj

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, Adrielle.

      Esse tipo de narrativa não funciona comigo, embora seja detalhista, prefiro uma leitura mais dinâmica, que flua com maior facilidade. Já li esses dois e estou com "A vez da minha vida" me esperando... você já leu?

      Já vi sobre a continuação de Todo dia na page da Galera Record. #Naespera.

      Beijos!

      Excluir
  3. Já li "A vez da minha vida". Acho que vai achar a mesma coisa!kkkkk Tem um inicio lento e lá pra metade começa a ficar mais interessante. Acontece muitas coisas até chegar ao objetivo,mas a história em si é boa. O que eu mais gostei dela foi "O presente". Segue o mesmo estilo dela,mas gostei da mensagem que passa e não teve o final que eu esperava.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Em breve lerei "A Vez da minha vida". Já vi "O Presente" por aí, mas ainda não o adquiri. Quem sabe em breve?

      :)

      Excluir

Olá!

É sempre um prazer receber sua visita e comentário. Responderemos a sua mensagem logo que possível. Obrigado e Volte sempre! :D

Scroll to top